As variações de como pedir pão pelo Brasil

No início do século XX, quando os brasileiros iam para a França, encantavam-se pelo formato de um pão com as características: curto, cilíndrico, de miolo duro e casca dourada, hoje nominalmente conhecido como “baguete”. Porém, na época em que voltavam do tour francês, os brasileiros iam até seus padeiros de confiança e descreviam como eles gostariam de comer aquele pão delicioso, e por essa referência, que hoje vamos a padaria e pedimos “pão francês” para os nossos cafés da tarde ou cafés da manhã.

Mas com um país tão grande, com diversas culturas e rico de miscigenação,  o mesmo pão é pedido de várias maneiras diferentes, dependendo da região. Caso planeje alguma viagem pelo Brasil, dá uma conferida como você pode pedir o pão francês:

  • Baixada santista – média
  • Ribeirão Preto – filão
  • São Paulo Capital – Pão francês
  • Ceará – Carioquinha
  • Rio Grande do Sul – Cassetinho
  • Sergipe – Pão Jacó
  • Pará – Pão careca
  • E no Maranhão, é necessário chamar de massa grossa enquanto massa fina é o pão sovado.

E essa é uma das variações de nomes que encontramos nesse nosso Brasil.